AO VIVO
AO VIVO
Home GERAL Torres divulga programação dos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres

Torres divulga programação dos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres

por Anderson Weiler
A+A-
Reset

Com a proximidade dos 16 Dias de Ativismo contra a Violência de Gênero, campanha internacional de combate à violência contra mulheres e meninas, o Centro de Referência da Mulher Pricila Selau promoverá atividades para essa mobilização para engajamento na prevenção e na eliminação da violência contra as mulheres. A campanha acontece todos os anos, entre 25 de novembro, Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres, e 10 de dezembro, Dia Internacional dos Direitos Humanos. A programação é prevista no Calendário Oficial de Eventos do Município, Lei nº 5.331, de 06 de janeiro de 2023.

No dia 27 de novembro, na UCS, às 9h, será realizada uma palestra intitulada “Suicídio e Violência Doméstica – a linha tênue da desesperança feminina”, com a Dra Angelita Maria Ferreira Machado Rios, Perita Médica-Legista Psiquiatra – áreas de atuação em Sexologia Forense e Perícias Psíquicas, Doutora em Psiquiatria e Ciências do Comportamento pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
Professora de Medicina Legal da Faculdade de Medicina da Universidade Luterana do Brasil (ULBRA – Canoas), Organizadora do Livro “Perícia Médico-Legal e Criminal em casos de violência contra Crianças e Adolescentes”

No dia 6 de dezembro, acontece a Campanha do Laço Branco, iniciativa que começou após uma tragédia ocorrida em 1989, em Montreal, no Canadá. Marc Lepine invadiu uma escola politécnica canadense, ordenou que homens se retirassem, assassinou 14 mulheres e suicidou-se em seguida. A tragédia mobilizou canadenses a criar a primeira campanha do Laço Branco. No Brasil, esta Campanha teve início em 1999 e em Torres, com a iniciativa do ex-gestor da pasta da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, Fábio da Rosa, entrou no calendário de atividades da Secretaria. Sendo assim, na data da Campanha, será distribuído laços brancos como uma forma de mostrar que há homens que não compactuam com a violência contra a mulher.

Em 7 de dezembro será promovido o “Café com Elas”, momento de socialização e trocas com falas potentes sobre o empoderamento das mulheres, promovido pelo Conselho Municipal dos Direitos da Mulher. A iniciativa ocorrerá no CRM, às 14h.

No dia 8 de dezembro, na UCS, às 13h30, será realizada a palestra intitulada “Existir como mulher é resistir “, com Tábata Bier. Atual Diretora do Departamento de Políticas para a Mulher do Estado do RS, tem 40 anos, é uma ativista dos direitos das mulheres e da reconstrução da autoestima. Formada em design, com muitas especializações na área, encontrou na análise da construção da personalidade das mulheres seu verdadeiro propósito e através desse trabalho criou o conceito de Consciência de Selfie, estudo que vem disseminando através de palestras para os mais variados públicos. Sua paixão por promover essa autonomia e levar informação para cada vez mais mulheres a levou a assumir a liderança do Departamento de Políticas para a Mulheres do Estado.

Em 9 de dezembro, a Campanha dos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres terá um espaço dentro da programação de Natal promovida pela Secretaria de Turismo e de Cultura e Esporte.

A secretária Helvia Sanae Mano pontuou que durante o Ativismo, o Centro de Referência da Mulher visitará instituições de ensino para continuar as atividades com os estudantes, pois é fundamental o trabalho de prevenção na base, os jovens são os multiplicadores e muitas vezes, os filhos da violência.

Fonte: Ascom PMT

Foto: Reprodução

>> Receba as notícias da Maristela sobre o Litoral Norte gaúcho e o Sul catarinense no seu WhatsApp! Clique aqui e fique bem informado.

Copyright @2023 – Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido e criado por Cadô Agência de Marketing